ARTBO 2016
Bogotá, Colombia
27

 

Outubro

 

2016
30

 

Outubro

 

2016
Image
Image
Image
Image
Image

Os Animais Selvagens


O projecto consiste num grupo de pinturas sobre edifícios, esculturas e livros do emblemático arquitecto, escultor e pintor português Amancio d'Alpoim Miranda Guedes (Lisboa 1925-Joanesburgo, 2015), conhecido como Pancho Guedes.


Nascido no continente europeu, Guedes viveu com a sua família quando criança nas antigas ex-colónias portuguesas de São Tomé e Príncipe. Mais tarde, estudou na Guiné, África do Sul e Moçambique, e foi na capital deste último país, Maputo (antigo Lourenço Marques), onde desenvolveu grande parte do seu extenso trabalho nos anos do pós-guerra.


Foi um arquitecto prolífico em obras civis e privadas, que ao longo do tempo desenvolveu um estilo de marcante volume escultórico e gráfico no qual convergiam referências ao movimento surrealista europeu e à arte primitiva africana. Com base nestas relações, Guedes construiu fantasias habitáveis (ou utopias), o que o tornou uma das figuras mais singulares da arquitectura moderna.


Algumas das suas obras mais emblemáticas, Prometeu (1951), Dragon House (1951), The House of Eyes (1972), ou o edifício desenhado a partir do esboço do seu filho, The Laughing Lion (1958), são, ainda hoje, exemplos de um estilo que procurava inverter o sentido da razão, concentrar-se na importância da liberdade de pensamento, no uso da cor e da figuração com as suas pinturas cheias de figuras surrealistas, os seus auto-retratos humorísticos e a procura de motivos em animais selvagens.



Juan Araujo

Setembro, 2016